sábado, 11 de dezembro de 2010

Relação de Deficiências contempladas com a lei de cotas. Modelo de atestado médico - Associação Nova Projeto -

Modelo de ATESTADO ( para fins de vaga de emprego para pessoas com deficiência)


ATESTO, para fim de prova junto à Delegacia Regional do Trabalho, que
Nome_____________________________________________________________________, RG
________________________, CTPS_____________, é portador de deficiência, conforme
a seguir descrito, enquadrando-se nas disposições estabelecidas no art. 1, Parte I, da
Convenção n.º 159, da OIT, combinado com o art. 4.º, do Decreto n. 3.298/99, com as
alterações introduzidas pelo art. 70, do Decreto n.º 5.296, de 02/12/2004.
( ) DEFICIÊNCIA FÍSICA ( ) DEFICIÊNCIA AUDITIVA
( ) DEFICIÊNCIA VISUAL ( ) DEFICIÊNCIA MENTAL
( ) DEFICIÊNCIA MÚLTIPLA
descrição: _______________________________________________________________
________________________________________________________________________
________________________________________________________________________
Data: ____/____/________ __________________________________________
MÉDICO (carimbo e assinatura)
Autorizo a utilização e divulgação do teor deste atestado por empresa interessada em
minha contratação, especialmente para apresentação à fiscalização da DRT-CE.
Data: ____/_____/________ _______________________________________
assinatura do trabalhador

OBS: este atestado deve ser emitido por médico neurologista ou psiquiatra preferivelmente em Unidades de Saúde UBS ou Hospitais Públicos.


Quais são as deficiências contempladas com a lei de cotas:

Art. 4.º, do Decreto n. 3.298/99, com as alterações introduzidas pelo art. 70, do

Decreto n.º 5.296, de 02/12/2004:
Art. 4o É considerada pessoa portadora de deficiência a que se enquadra nas seguintcategorias:

I- deficiência física - alteração completa ou parcial de um ou mais segmentos do corpo humano,
acarretando o comprometimento da função física, apresentando-se sob a forma de paraplegia,
paraparesia, monoplegia, monoparesia, tetraplegia, tetraparesia, triplegia, triparesia, hemiplegia,
hemiparesia, ostomia, amputação ou ausência de membro, paralisia cerebral, nanismo, membros
com deformidade congênita ou adquirida, exceto as deformidades estéticas e as que não produzam
dificuldades para o desempenho de funções;

II- deficiência auditiva - perda bilateral, parcial ou total, de quarenta e um decibéis (dB) ou mais,
aferida por audiograma nas freqüências de 500HZ, 1.000HZ, 2.000Hz e 3.000Hz;

III- deficiência visual - cegueira, na qual a acuidade visual é igual ou menor que 0,05 no melhor
olho, com a melhor correção óptica; a baixa visão, que significa acuidade visual entre 0,3 e 0,05 no melhor olho, com a melhor correção óptica; os casos nos quais a somatória da medida do campo visual em ambos os olhos for igual ou menor que 60o; ou a ocorrência simultânea de quaisquer das condições anteriores;


IV - deficiência mental – funcionamento intelectual significativamente inferior à média, com
manifestação antes dos dezoito anos e limitações associadas a duas ou mais áreas de habilidades
adaptativas, tais como:
a) comunicação; b) cuidado pessoal;
c) habilidades sociais; d) utilização dos recursos da comunidade;
e) saúde e segurança; f) habilidades acadêmicas;
g) lazer; e h) trabalho;

V - deficiência múltipla – associação de duas ou mais deficiências.

Fonte: http://www.idt.org.br/

Associação Nova Projeto

7 comentários:

  1. bom dia! sofri acidente de moto e fiquei com mina perna mais curta e com o tornozelo paralizia do tornozelo direito e dedos em guarra gostaria de saber qual cid que entra na lei de cotas para deficientes.
    desde já agradeço a atenção.

    ResponderExcluir
  2. boa noite tive perca de audiçaou nos dois ouvidos por motivo de muito ruido no serto de trabalho fis geometria constatou perca bilateral grau moderado cid .10 h.90.3 ambos ouvidos vou er que usar aparelho.agradeso ser tiver alguma resposta se tenho direito aposentadoria .obrigado

    ResponderExcluir
  3. sofri um acidente, tive traumatismo no cotovelo e punho, fiz cirurgia colocaram prótese, placas e pinos. Fiquei com sequelas, não abro 100% o braço e também não estico mais do 20%, gostaria de saber se tenho direito à cota e que devo fazer para ser incluída como deficiente. Sou de São Paulo - Capital e estou desemprego desde 2011.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia perdi o olho direito a 15 anos, desde de então luto para conseguir entrar na lei de cotas , mas é em vão gostaria de saber sem desmerecer ninguém pq um dedo é mais importante pq um olho poxa tds são deficientes e eu só quero um emprego justo.

    ResponderExcluir
  5. Boa tarde sou portadora pessoas especias com defiencia mental
    vou marcar com neurologista
    para trabalhar com atestado consigo trabalhar.

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde sou portadora pessoas especias com defiencia mental
    vou marcar com neurologista
    para trabalhar com atestado consigo trabalhar.

    ResponderExcluir
  7. Boa Tarde,
    tenho problemas neurológico que é de Epilepcia e Mal formação Celebral, no qual no quadro que me encontro não é mais o padrão "normal" da sociedade, Ja tenho atestado (laudo) para poder conseguir trabalhar.

    ResponderExcluir